Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Apresentados

Mood: Alanis Morissette, Uninvited

Ouvir
Teimam-me ainda
os dentes trancados 
a rugir,
a ranger de impaciência, 
onde tua boca parecendo florir
veio sorver água fria, 
inocência.

Não limpo mais o sangue
por onde passes
o teu ou o meu.
Lamber-te a ferida 
que não sara,
como se prometeu,

Tuas mãos não m'entram mais
na garganta em lugar algum, 
Criança aflita é predador.
Mas parto suave de onde for
do atrevimento, da mão
da sede e do rio 
que foi tua invasão

Sou bicho estranho
beijo logo arranho,
Do golpe
sangro mais nada.
Não te farei esse monumento,
que te contenta que me comprometa  
Ainda vou a tempo
de me erguer a mim.
E tu derrocaste assim.



Mensagens mais recentes

Mood: Sílvia Pérez Cruz, Duérmete

Mood: Priscilla Ahn - Dream

Mood: Dave Mathews Band - Crash into me

Mood: Jose Gonzales - Heartbeats

Mood: Mogwai - Take Me Somewhere Nice

Mood: The Cinematic Orchestra Arrival of the Birds & Transformation

Mood: Rodrigo Leão & Lula Pena - Pasión

Mood: Chico Buarque - Valsinha

Mood: Regina Spektor, Samson

Mood: Henry Mancini - Baby elephant walk

Mood: Sérgio Godinho, Espalhem a notícia

Mood: Donna Maria, Fragmagens

Mood: Radiohead & Sigur Rós, Split sides (live)

Mood: Foo Fighters - Everlong (Acoustic)

Mood: Beirut, Nantes

Mood: Silêncio

Mood: Jesca Hoop, Enemy

Mood: Arcade Fire, In the backseat

Mood: Silencio

Mood: Nouvelle Vague, In a manner of speaking

Mood: Elvis Perkins, All the night without love

Mood: Madrugada - Majesty

Mood:

Textos de gaveta.

Mood: Fiona Apple - Mistake

Mood: Buena Vista Social Club

Mood: Maria João e Mário Laginha, Beatriz

Mood: Chico Buarque, subúrbio

Mood: Fiona Apple - Sullen Girl

Mood: Nocturno nº 8, Chopin